Category Archives: Puerto Iguazú

citytour argentina virtual – Victoria Aguirre e Marta Schwarz #P03

O Redbus após visitar o La Aripuca segue em direção ao centro da cidade de Puerto Iguazu. No caminho o ônibus percorre uma avenida chamada Victoria Aguirre e passa também em frente ao único hospital da cidade chamado Martha Schwarz. Mas quem foram essas mulheres?
Com certeza foram as duas mulheres mais importantes na historia da cidade.

redbus#P3 – Victoria Aguirre e Martha Schwarz
No ano de 1901 as visitas as cataratas ainda eram raras. Pelo lado do Brasil havia uma pequena trilha na mata até o local, no entanto, as cataratas do lado brasileiro estavam dentro de uma propriedade privada. Pelo lado argentina a mata era extremamente densa, tornando o acesso impossível.

Propriedade Jesus Val (Puerto Iguazu)

Propriedade Jesus Val (Puerto Iguazu)

No entanto, era de interesse do governo argentino desenvolver o turismo na região e com a Judá da empresa naval Mihanovich, organizam a primeira viagem turística as cataratas saindo desde Buenos Aires. Vale lembrar que não havia aviões e nem estradas para chegar a essa região. Maneira mais rápida era de barco pelo Rio Paraná que depois de passar por Foz do Iguaçu vai formar em Buenos Aires o famoso Rio da Prata. Uma viagem de 02mil km e contra a corrente, ou seja, podia levar meses ate chegar a nossa região.
Em agosto de 1901 chega à região essa expedição. Entre os turistas estava uma senhora chamada Victoria Aguirre Anchorena. Após varias tentativas fracassadas pelo meio do mato pra chegar ás cataratas, a expedição retorna então a Buenos Aires sem que os turistas tenham visitado as quedas.

VictoriaAguirreAnchorena2 Victoria
Victoria Aguirre era de uma família rica de Buenos Aires. Foi poetisa, colecionadora de arte e pintora. Teve inclusive suas obras expostas na época no Teatro El Ateneo que hoje abriga a famosa livraria El Ateneo. Desde muito cedo ela foi acostumada a fazer doações a várias causas nobres e instituições como hospitais, escolas, etc.
Tendo em vista a frustração de não conhecer as cataratas, ela doa a quantia de P$3.000 ao povoado da região na fronteira, que junto a outros P$5.000 já arrecadados, tornam se suficiente para que uma estrada de terra seja aberta na mata desde o pequeno porto no rio até as Cataratas do Iguaçu do lado argentino. O dia da doação, 10 setembro de 1901, é decretado como dia da fundação da cidade, na época batizada de Puerto Aguirre em sua homenagem. A cidade em 1952 foi rebatizada de Puerto Iguazú, mas a estrada aberta que hoje é a principal avenida da cidade, preserva o nome Victoria Aguirre.

Primeira Trilha de Acesso - Cataratas Argentina

Primeira Trilha de Acesso – Cataratas Argentina

Apesar da abertura da estrada e inicio do turismo na cidade, na década de 40 Puerto Iguazú seguia como um pequeno vilarejo no meio da mata com apenas 05mil habitantes. A maior parte deles trabalhava em plantações e por isso era comum serem mordidos por cobras e a malária foi comum na vida de vários habitantes da região e causadora da maior parte dos óbitos na época. O primeiro hospital surgiu em 1947 , no entanto, contava apenas com enfermeiros.

Marta Schwarz

Mas em 1948 as coisas começam a mudar com a chegada de uma moça chamada Marta Teodoro Schwarz. Nascida em Buenos Aires em 1915 e formada em medicina pela Universidade Nacional de Córdoba com especialização em farmácia, cirurgia e pediatria. Com a sua mãe, ela muda se para Posadas primeiramente antes chegar a Puerto Iguazú. Tornado se a primeira medica‍⚕️ e mudando por completo a vida naquela cidade.Ao chegar logo se preocupou com o grande numero de casos de malária. Sem perder tempo, começou os atendimentos no hospital. Trabalhava quase 24h por dia. Andava de cavalo, cruzava os rios de canoa para Foz e Puerto Franco-Py, atendia até mesmo na madrugada se necessário. Calcula se que ajudou no parto de mais de 2mil crianças na fronteira. Solicitou e conseguiu treinamento em enfermagem na cidade de Posadas para pessoas da região da fronteira que queriam ajudar. Logo tornou se diretora do hospital e ganhou apelido de “O Anjo da Selva” . Seu trabalho foi reconhecido também pelo governo que a nomeou subsecretaria da Saúde e Ministra da Saúde Publica do estado de Misiones em 1963. Sendo a primeira e única mulher até então a exercer o cargo. Representou a Argentina e os países das três fronteiras na ONU e OEA.

Martha Schwarz em frete ao Hospital

Decidiu retirar se dos cargos públicos no final de 1963 para dedicar se apenas ao povo da região na fronteira. Após deixar o hospital, atendeu de forma gratuita numa pequena sala de sua casa que esta localizada em frente ao hospital até os dias atuais. Veio a falecer em 29 de março de 2005.
O hospital de Puerto Iguazú foi rebatizado de Marta Schwarz – A anjo da Selva.

✌️😁🚍 Bip bip

Obs.: Imagens e fotos utilizadas neste texto foram retiradas de sites públicos na internet. Todos os créditos aos autores das mesmas. Se você é ou conhece o autor das imagens, informe-nos para que possamos creditá-la.

citytour argentina virtual – La Aripuca #P02

aripuca 7

Após passar a Ponte Tancredo Neves, o Redbus chega a primeira parada do passeio. Um local diferente de tudo que você já viu. Uma enorme e imponente estrutura feita toda de madeira chamada – La Aripuca

redbus#P2 – La Aripuca

Começando pelo nome do local que é uma referencia ao que chamamos de “arapuca”. Uma espécie de armadilha utilizada pelos índios guaranis para capturar animais. Esse método de caçar não machuca o animal, permitindo aos índios libertar os bichos caso julguem eles inapropriados para o abate, filhotes por exemplo.
No caso do atrativo, foi construída uma arapuca gigantesca com 17 metros de altura e mais de 500 toneladas no total somando todos os troncos utilizados. Os troncos são de 30 espécies de arvores nativas da nossa região. Vale ressaltar que nenhum dos troncos de arvores presentes na armadilha gigante foi cortado apenas para este fim. Os troncos foram doados e resgatados de fazendas locais onde já se encontravam caídos, muitos de forma natural. Alguns também foram comprados de madeireiras antes que fossem cortados em partes menores.

la aripuca 1
Em 1997 a família se tornou proprietária do local atual onde esta o La Aripuca. A construção levou mais 04 anos para iniciar. Nesse período, os troncos foram chegando ao local. Foram necessários mais de 10 caminhões e uma dúzia de pessoas pelo menos trabalhando no preparo e manejo de tudo conforme os troncos foram sendo empilhados. Uma Araucária ou Pinheiro do Paraná é o maior e mais pesado dos troncos que compõe a arapuca. São 27m comprimento e 37 toneladas. Do local onde estava até Puerto Iguazu foram 200km de translado, levando pouco mais de uma semana para chegar. Essa Araucaria foi derrubada por um raio e tinha mais de 500 anos de idade.

aripuca 5    la aripuca 2
O primeiro tronco a ser posicionado foi a chamada “Espinho de Cristo – Gleditsia amorphoides” . Um tronco com aproximadamente 300 anos.
O mais difícil e complicado foi o translado dos troncos, pois a construção em si, levou apenas 27 dias para estar em pé (sem o teto). Com a estrutura principal pronta, começou então a construção do portão de entrada. Os três exemplares usados no portal de entrada somam mais 1500 anos de idade.

aripuca 4
Em 15 julho de 1998 o La Aripuca é inaugurado, tendo como objetivo principal a conscientização das pessoas para preservar o meio ambiente em geral, ou estaremos criando uma grande arapuca para o nosso futuro.

✌️😁🚍 Bip bip
📷 La Aripuca

Obs.: Imagens e fotos utilizadas neste texto foram retiradas de sites públicos na internet. Todos os créditos aos autores das mesmas. Se você é ou conhece o autor das imagens, informe-nos para que possamos creditá-la.

😁

Citytour Argentina Virtual – Ponte Tancredo Neves #P01

ponte tancredo 1

Atualmente o Iguassu Citytour conta com cinco rotas pela cidade. Terminamos o nosso City Brasil e agora partimos então para o lado argentino das três fronteiras. O CityTour Argentina, assim com o City Brasil, faz três paradas durante o passeio: La Aripuca, Marco das Tres Fronteiras (lado argentino) e finaliza na famosa Feirinha.Mas para chegar do outro lado temos que cruzar o Rio Iguaçu. O que conecta o Brasil a Argentina aqui em Foz é a Ponte Tancredo Neves.redbus

#P1 – Ponte internacional Tancredo Neves

O inicio do City Argentina também ocorre na Avenida Brasil, exatamente no mesmo local do City Brasil. São aproximadamente 06km até a fronteira. Após os tramites migratórios do lado brasileiro, o Redbus segue então para cruzar a Ponte Tancredo Neves.
A intenção de construir a ponte foi assinada pelos países em 1972. Depois disso nada mais foi feito e o projeto ficou engavetado ate 1979 quando foi reaberto e formada uma comissão mista para discutir a construção. Foram necessárias 06 viagens a Brasília e mais 05 a Buenos Aires até os trabalhos começarem em 1983. No final de 1985, em novembro, a ponte foi inaugurada.

tancredo 6

O nome escolhido foi Ponte Internacional da Fraternidade. Ops. O nome era para combinar com a Ponte da Amizade existente entre Brasil/Paraguai. Mas em Abril de 1985, meses antes da inauguração, morre o presidente eleito Tancredo Neves. Ele seria o primeiro presidente após o fim da ditadura militar no nosso país. Quem acabou sendo empossado foi seu vice – Jose Sarney.
Com isso, os dois países decidem mudar o nome da ponte, batizando ela então de Ponte Internacional Tancredo Neves. São 489 metros de extensão, 72 metros de altura e 16 metros de largura. Foram necessários 03 anos para conclusão.

tancredo 3
Cada país ficou responsável por construir sua metade. No entanto, ao chegar no centro para a ligação havia uma diferença de 40cm de altura entre dois lados. Para resolver o impasse foram colocados pesos nas extremidades que ainda não estavam ligadas as margens, fazendo assim os lados ficarem iguais para conexão. Outra curiosidade, a ponte é oca. É possível caminhar no seu interior. Isso foi projetado para facilitar as manutenções necessárias nas juntas de dilatação.

tancredo 2
A aduana para migração no projeto original deveria ficar na cabeceira da ponte do lado argentino. A mudança aconteceu devido à má experiência ao longo dos anos com a Ponte da Amizade. No inicio também ouve discussões quanto à cobrança de pedágio para carros, ônibus e vans por cruzar a ponte por parte dos argentinos, além da intenção de não permanecer com a ponte aberta 24h por dia.
Após 35 anos e várias discussões, ela ainda segue firme e forte ligando Foz do Iguaçu/BRA e Puerto Iguazu/ARG.

 

✌️😁🚍 Bip bip

Obs.: Imagens e fotos utilizadas neste texto foram retiradas de sites públicos na internet. Todos os créditos aos autores das mesmas. Se você é ou conhece o autor das imagens, informe-nos para que possamos creditá-la.

MÊS DOS PAIS NO IGUASSU CITY TOUR

Agosto é o mês dos pais no Iguassu City Tour. Mês de homenagear o nosso primeiro grande amigo, aquele que nos impulsiona para a vida.

Abraço apertado, carinho, lembretes de “eu te amo” e “obrigado por tudo” não podem faltar. E o presente? Ele pode ser ainda mais especial e diferente do que se costuma dar. E se neste ano no lugar do perfume ou roupa, o presente fosse uma experiência em Foz do Iguaçu?

Pensando nisso, durante o mês de agosto, na compra do seu ingresso para o Iguassu City Tour, ganhe outro para levar o seu pai.

O Iguassu City Tour é uma experiência na cidade, uma oportunidade incrível de conhecer a história, pontos turísticos e curiosidades, tudo no mesmo passeio. Essa promoção vale tanto para o City Tour Foz, como o City Tour Argentina.

CITY TOUR FOZ | ROTEIRO:

Avenida Brasil – embarque
Igreja São João Batista
Hotel Cassino
Gresfi (antigo aeroporto)
Templo Budista (parada)
Catedral Diocesana Guadalupe
Mesquita (parada)
34º Batalhão
Praça do Mitre
Colégio Agrícola
Marco das Três Fronteiras (parada – ingresso não incluso)


CITY TOUR ARGENTINA | ROTEIRO:

Ponte Tancredo Neves
Av. Victoria Aguirre
La Aripuca (parada – ingresso incluso)
Hospital e memorial Dra. Marta T. Schwarz
Catedral Virgen del Carmen
Praça San Martin
Avenida Costaneira
Imagem da Virgem de Iguazú
Marco das Três Fronteiras (parada)
Avenida Brasil e 7 bocas (parada)

Importante: A compra e o passeio precisam acontecer no mês de agosto. E claro, no dia é preciso apresentar o documento de ambos para comprovar o parentesco.

Prontos para viver essa experiência juntos? E para o seu pai, feliz dia dos pais <3

Entre em contato e reserve agora mesmo: (45) 3026-4070

Notícias de Foz do Iguaçu

O que fazer no centro de Puerto Iguazú

No final do nosso City Tour Puerto Iguazú, você tem uma hora e meia no centro da cidade. O que fazer por lá nesse tempo? Separamos algumas dicas para você!

1. Coma bife de chorizo

O centro tem vários restaurantes, como o Te Amaré Maitena, onde você pode pedir um tradicional bife de chorizo! A carne é conhecida por seu corte mais grosso, o que pode deixá-la mais mal passada. Se esse não for o seu gosto, na hora de pedir o prato, peça o bife em “corte mariposa” (ou borboleta). Ele vem cortado ao meio e mais ao ponto.

bifedechorizo_citytour

Foto: @lfrussiano

2. Explore a Feirinha

A Feirinha de Puerto Iguazú é uma visita quase obrigatória! Um lugar rústico, com várias “barracas” gastronômicas, onde você pode comer tábuas de frios ou empanadas. Além disso, pode comprar outras iguarias, como doce de leite, azeite, queijo, azeitonas e pêssegos em conserva.

feirinha_citytour

Foto: @arrumandoamala

Read more

Armadilha em Puerto Iguazú

Não, não há nenhum golpe fazendo vítimas na Argentina. Estamos falando da nova parada no City Tour Puerto Iguazú: a Aripuca (em português, “arapuca”, uma armadilha feita pelos indígenas. Captou o título do post agora?).

aripuca_1

“Uhnnn.. saquei!”

Na última sexta-feira, a Aripuca passou a fazer parte do roteiro do nosso sightseeing. Mas que raios é isso? Não se afobe. A gente explica e mostra fotos. Confira:

Aripuca1_Leca

La Aripuca, em Puerto Iguazú.

Read more

Tudo o que você precisa saber sobre os City Tours em Foz

Como tem muita gente chegando para as férias de julho em Foz do Iguaçu, resolvemos explicar tim-tim-por-tim-tim os nossos City Tours. Afinal, estamos aqui para levar vocês para passear e curtir a região, não é mesmo?

giphy

Vamos lá! Por partes, como dizia o Jack Estripador.

  1. Quantas rotas de City Tour existem em Foz do Iguaçu?
    Olha, em Foz, existe apenas uma rota, que sai de terça a domingo, às 9h e às 14h. Porém, também temos uma rota na Argentina (City Tour Puerto Iguazú), que sai diariamente às 16h00, e no Paraguai (City Tour Ciudad del Este), com saída diárias às 8h (9h brasileiras)857564_887662204644510_5326708885385257282_o
  2. Quais são os pontos de saída?
    Os sightseeings em Foz e em Puerto Iguazú tem o mesmo ponto de embarque e desembarque: Av. Brasil, 92, em frente ao Hotel Bogari, em Foz do Iguaçu. Já o passeio em Ciudad del Este funciona da seguinte forma: uma van passa nos hotéis e sai de Foz às 8h. Verifique que horas o transporte chega ao seu local de hospedagem. Chegando a Ciudad del Este, o grupo é deixado no Shopping del Este e ali espera pela van do City Tour, que começa às 8 horas do Paraguai (9h brasileiras – sem horário de verão).  O retorno também acontece no Shopping del Este.city-tour-foz-do-iguacu-fotona
  3. Quanto tempo dura cada passeio?
    City Tour Foz do Iguaçu: das 9h às 12h; ou das 14h às 17h.
    City Tour Puerto Iguazú: das 16h00 às 20h30.
    City Tour Ciudad del Este: das 8h às 11h30 (horário paraguaio). Retorno para Foz do Iguaçu: 14h30 ou 16h00.city-tour-1
  4. Quantas e quais são as paradas nos City Tours?
    City Tour Foz do Iguaçu: Marco das Américas (Entrada paga. Moradores de Foz: R$ 3; Geral: 15; Meia-entrada: R$ 7); Mesquita Islâmica e Templo Budista. Nas segundas-feiras, como o Templo Budista está fechado, fazemos uma rota especial passando na Conscienciologia.
    City Tour Puerto Iguazú: La Aripuca, Marco das Três Fronteiras e centro comercial
    City Tour Ciudad del Este: Catedral San Blás, Lago de la Republica, Iglesia de San Lucas e Salto del Monday.

    city-tour-ciudad-del-este-2

    Catedral San Blás – Ciudad del Este, PY

  5. Quais os valores dos passeios?
    City Tour Foz do Iguaçu: R$60 (crianças até 3 anos não pagam; 4 a 11 anos pagam meia)
    City Tour Puerto Iguazú: R$65 (crianças até 3 anos não pagam; 4 a 11 anos pagam meia)
    City Tour Ciudad del Este: R$110 (crianças até 3 anos não pagam; 4 a 11 anos pagam meia). Inclui transporte leva e traz do seu hotel em Foz até a saída do Tour em Ciudad del Este.

    City-Tour-Foz-do-Iguaçu-Rafael-Guimarães-3

    Mesquita Islâmica – Foz do Iguaçu, BR

  6. Há alguma restrição?
    Na Mesquita Islâmica, realizada no City Tour Foz do Iguaçu, mulheres devem estar com calça ou saia compridas. Além disso, no local, elas recebem um véu para cobrir os cabelos e ombros. Também queremos lembrá-los de que roupas e sapatos confortáveis são a melhor escolha para quaisquer desses passeios.mesquita interior
  7. De quais documentos eu preciso?
    RG é sempre obrigação. Porém, como estamos falando de fronteiras, há outras opções: CNH e Passaporte – em bom estado de conservação e na data de validade.
    Documentos funcionais, como carteiras profissionais (OAB, CRM, Militar, etc) não são aceitos. Menores de idade devem estar acompanhados de pais ou, na falta de um deles, ter documento judicial de autorização de fronteira.circuito-iguazu-8
  8. Todos as rotas são feitas com ônibus panorâmico?
    Não. Em Foz do Iguaçu e em Puerto Iguazú, o passeio é feito a bordo do nosso red bus. Porém, por questões fronteiriças, o ônibus não pode atravessar para o Paraguai. Lá, o City Tour é feito em van (confortável, com ar condicionado, guia e tererê. Opa! Olha o spoiler...)

    IMG_8577

    Ciudad del Este – Py (Foto: Maya Riquelme)

Ainda tem alguma dúvida sobre os nossos passeios? Você pode acessar o nosso site e ler mais detalhes sobre cada City Tour realizado e entrar em contato com nossa equipe pelo WhatsApp (45) 9112-2391.

A mãe das Cataratas do Iguaçu

Além de Naipi (a índia protagonista da lenda das Cataratas – um dia contaremos essa história por aqui), outras mulheres foram muito importantes para o nosso cartão postal. Mas para começar essa história, temos que ir para o outro lado da fronteira, mais precisamente para a capital argentina, Buenos Aires.

Screenshot_1

No dia 13 de janeiro de 1860, nascia na cidade portenha uma menina chamada Victoria Aguirre Anchorena. Em 1900, então com 40 anos, Victoria fez parte da primeira excursão para conhecer as Cataratas do Iguaçu.

Agora, vamos imaginar o seguinte: Na época, o único meio para chegar até esta região era de navio. A viagem podia durar meses. M E S E S. Read more

O que um presidente dos EUA tem a ver com a fronteira entre Brasil e Argentina?

Quem vai ao Marco das Três Fronteiras (seja no lado brasileiro ou argentino) e vê tudo na plena paz, nem imagina o borogodó que essa fronteira enfrentou no passado!
giphy
A treta briga começou por causa de um tratado de limites entre Brasil e Argentina, assinado em 1750, por Portugal e Espanha. Depois da Guerra do Paraguai (1870), nosso país vizinho começou a pressionar e reivindicar a terra que, conforme o documento dos países europeus, era dele por direito (ou assim era entendido).

Que terra era essa, você se pergunta?

Todo o atual sudoeste do Paraná (Francisco Beltrão, Pato Branco, Palmas) e parte do oeste de Santa Catarina. Ou seja: era bem grande.

0212_capturar

Como os dois países não estavam chegando a um consenso, tiraram no par ou ímpar pediram para que alguém neutro intermediasse a discussão e decidisse para quem iriam as terras.

Eis que entra em cena o presidente dos Estados Unidos, Stephen Grover Cleveland, que precisou ouvir as duas partes interessadas e dizer quem levava aquele território.

A vitória, como você já deve ter imaginado, veio para o Brasil, em 1895.

giphy2

 

Para homenagear o presidente, a cidade de Bela Vista de Palmas mudou seu nome para Clevelândia. Desde então, não se mexeu mais nos limites fronteiriços entre Brasil e Argentina.

Sem título

NOVIDADE: City Tour Puerto Iguazú

Hola, señoras, señores!

Não se preocupe: você não precisa entender espanhol para embarcar em nossa mais nova aventura, o City Tour Puerto Iguazú (Argentina)!

giphy

O passeio para Puerto Iguazú terá saídas diárias às 17h30, na Avenida Brasil, 92 (em frente ao Hotel Bogari, em Foz do Iguaçu). O City é guiado e você vai ouvir muitas histórias e curiosidades sobre a Argentina e a cidade mais antiga da tríplice fronteira, Puerto Iguazú.

Como vamos atravessar uma fronteira internacional, você deve estar muito atento aos seus documentos. 

Pode carteirinha da OAB/CRM ou qualquer outro registro profissional?
giphy (3) Read more

« Older Entries